[VÍDEOS] British Pathé: 85.000 vídeos históricos de graça!

611x450xnewsreel.jpg.pagespeed.ic.I0_gcW4GQG

Prato cheio para quem gosta de História, ou precisa de vídeos de antigamente para algum projeto: o canal British Pathé recentemente disponibilizou no Youtube TODO seu acervo de mais de 85.000 vídeos históricos, compreendendo mais de 3.500 horas de filmagem.

Um pouquinho de perspectiva, para entender de que se tratam essas filmagens: Ontem, um dos principais candidatos à presidência da república morreu quando seu avião caiu por volta das 10:30 da manhã, em Santos. Antes mesmo do almoço já tinha gente no Brasil todo fazendo piadinha sobre que rival que mandou derrubar a aeronave. A internet, principalmente com a Web 2.0, transformou cada smartphone em um noticiário ao vivo e cada pessoa em âncora, colocando na casa dos minutos o tempo para que uma notícia de grande importância chegue ao conhecimento de um cidadão comum. E pode até parecer estranho para quem usa o Twitter como jornal, mas essa tendência é recente. Até há não muito tempo atrás, a coisa era mais difícil.

james-1

Bem mais difícil.

Até antes da virada do milênio, mas ou menos, pra ver as notícias você precisava de um jornal. (Já tô parecendo um velhinho ranzinza? Ótimo. É bem por aí mesmo.) Só que simplesmente ler que aconteceu isso ou aquilo não tem tanta graça, principalmente quando se trata de eventos com imagens impactantes, como a queda de uma aeronave. Como diria o Datena, eu quero ibagens. Nenhuma descrição substitui a experiência de ver diretamente um fato se desenrolando diante de seus olhos. Por isso mesmo que, antes do YouTube tomar de assalto o mundo, o noticiário da TV era o portal por onde o mundo entrava na vida das pessoas. Entretanto, a própria TV não é algo tããão antigo assim, tendo se popularizado somente na década de 1960. Antes disso, como as pessoas faziam para ver os acontecimentos recentes com seus próprios olhos? Ora, elas o faziam no único local onde era possível assistir a imagens em movimento – no cinema.

Os cine-jornais (ou newsreels em inglês) eram documentários curtos, geralmente de poucos minutos, que apresentavam notícias de forma audiovisual, bem semelhante aos telejornais de hoje. Geralmente eram apresentados antes de cada sessão de cinema, havendo também algumas salas dedicadas somente a passar tais noticiários várias vezes por dia. A televisão “matou” essa instituição do cine-jornal, devido à praticidade de se assistir ao noticiário em casa (atenção, quem acredita que a TV e a mídia impressa podem sobreviver à internet), mas durante a primeira metade do século XX ele era a maneira que as pessoas tinham de ver as imagens mais importantes do mundo, e a Pathé News era uma das maiores produtoras desta mídia.

As principais notícias da guerra na Alemanha, você vê aqui!

As principais notícias da guerra na Alemanha, você vê aqui!

Fundada pelo francês Charles Pathé e seus irmãos em 1896, a Société Pathé Frères foi uma das pioneiras das imagens em movimento. A empresa inventou o cine-jornal em 1908, e abriu uma filial de notícias na Inglaterra em 1910, ano em que se inicia o acervo da British Pathé. A filial britânica (que foi vendida em 1927, tornando-se independente da Pathé francesa) seguiu com seu serviço de notícias até 1976, acumulando um acervo de cerca de 85.000 vídeos com mais de 3.500 horas de filmagens, que foi disponibilizado para quem quiser ver no canal de YouTube no mês de abril.

O canal conta com várias playlists, para quem quiser assistir filmagens de assuntos específicos, como desastres, animais, celebridades, guerra, bizarrices e muito mais. Afinal, tem que ter um jeito de organizar esses milhares e milhares de vídeos… Destaque para a playlist de “daredevils”, ou pessoas corajosas (ou estúpidas) o suficiente para fazer os feitos mais perigosos, como mergulhar de 20 metros de altura em um cavalo ou se casar sobre a corda-bamba. Uma visão do tipo de coisa que acontecia no passado e não se faz mais hoje em dia…

As pessoas não têm mais os hábitos saudáveis de antigamente...

As pessoas não têm mais os hábitos saudáveis de antigamente…

Veja abaixo alguns dos vídeos mais populares: