[VARIEDADES] Trump nos olhos dos outros é Refresco – 97 Empresas contra Trump

Essa matéria não tem viés tão político quanto parece. É apenas o repasse de uma informação um tanto previsível. 

Um grupo formado por 97 empresas de tecnologia com base nos Estados Unidos assinou uma carta de apoio ao processo movido pelo estado norte-americano de Washington contra o decreto presidencial de Donald Trump que tenta barrar a entrada de imigrantes muçulmanos no país. Esse processo, movido pelo procurador-geral do referido estado, é considerado atualmente o melhor caso contra o decreto do presidente, o qual se encontra temporariamente suspenso.

A carta foi assinada por Google, Apple, Microsoft, Facebook, Twitter, Netflix, Uber e uma série de outras empresas menores (mas não exatamente pequenas, ressalte-se). Todas elas afirmam não concordar com a nova política por diversas razões. Uma delas seria o fato de, se o decreto voltar a valer, ele poderá afetar negativamente as operações de todas essas companhias, gerando prejuízos sensíveis.
Além de todas essas empresas alegarem que esse grande muro (imaginário ou não) que Trump insiste em fazer nos EUA pode ser um grande entrave às políticas de boa vizinhança e de imigração dos EUA com outros países (nunca soube realmente da existência disso, mas ok), um segundo argumento é mais voltado à economia. “O decreto também prejudica significativamente negócios norte-americanos, inovação e crescimento”. Isso porque as mudanças previstas poderiam prejudicar a forma como todas essas empresas de tecnologia trabalham nos EUA e no exterior, “tornando mais difícil e mais caro o processo de recrutamento, contratação e retenção de alguns dos melhores profissionais do mundo por parte de empresas norte-americanas”, declara a carta.
E agora?

Pelo Jeito, as brigas entre Trump e o Resto do mundo estão longe de acabar.

Nem Scott Pilgrim teve tantos inimigos…