[CONTOS MALDITOS] Comadre Fulozinha

Tempos atrás, nossa amiga Raquel Pinheiro deu início a uma série de contos destruidores de infância, mesmo já na fase adulta, já conhecidos por nós e até disseminados, mas de uma forma menos aprofundada sobre suas origens. Numa das muitas conversas extremamente ‘saudáveis’ psicologicamente que a equipe NGF tem, falávamos de infância e surgiram histórias daqui do…