[TÁ NO CATARSE] Vamos Juntas? Projeto de empoderamento e sororidade entre mulheres

vamos juntas no catarse 1

Foi em uma volta pra casa à noite, cheia de medo e insegurança, que nasceu o movimento Vamos juntas? No meio de uma praça escura em Porto Alegre, Babi Souza teve um insight e pensou que, se as mulheres se unissem nas ruas, se sentiriam muito mais seguras.

De uma postagem despretensiosa em seu perfil no Facebook divulgando a ideia que teve, a uma página que alcançou mais de 230 mil curtidas foram dois meses de trabalho intenso e histórias que não a deixaram desistir de fazer o movimento crescer e atingir mais e mais meninas.

vamos juntas no catarse curtidas

Histórias de meninas que tinham tido um dia mais feliz e seguro por terem colocado em prática a principal ideia do Vamos juntas? A sororidade (irmandade entre mulheres), foram sendo cada vez mais e mais compartilhadas, tornando o movimento conhecido nacionalmente e fazendo com que ele ganhasse um espaço gigantesco na mídia.

vamos juntas no catarse 2

Desde o início do projeto, em 30 de julho, o movimento foi sustentado de forma colaborativa por mulheres que doam o seu tempo para responder mensagens, administrar grupos Facebook e responder carinhosamente cada uma das 80 mensagens que o movimento recebe por dia.

Também de forma colaborativa, o Vamos juntas? está desenvolvendo um APP que será uma espécie de “Waze” do caminho mais seguro. O APP será desenvolvido em uma parceria com a empresa Thoughtworks, mas para mantê-lo também precisam de verba. Além do APP, sentem que o movimento ainda tem muito a crescer e muitas meninas a atingir. Além da sustentação, expansão do movimento e manutenção do APP, esse financiamento colaborativo tem o objetivo de tornar possível a criação de um portal para tratar de forma aprofundada e informativa assuntos relacionados ao movimento como segurança da mulher, empoderamento feminino, sororidade e feminismo.

vamos juntas no catarse 3

O Vamos juntas? desde o seu início teve um caráter colaborativo, e foi a partir da união de mulheres que ele se sustenta até hoje. Para continuarem esse trabalho, contam com a ajuda de todas as mulheres que se identificam com a causa e que querem que o movimento continue firme e forte, para cada vez fazer mais e mais diferença na vida de tantas mulheres.

Saiba mais sobre o projeto neste link:  https://www.catarse.me/vamosjuntas