[SÉRIES] O spin-off animado de Game of Thrones

A última temporada de Game of Thrones pode acabar com o preço enorme de US $ 15 milhões por episódio, e recentemente um executivo da HBO disse que a rede enfrenta um “enigma”: estabelecer um orçamento para um possível spin-off de GoT. Mas há uma maneira muito mais acessível para eles expandirem a franquia que já vêm fazendo grande sucesso há anos e, além da eficiência de custo, permitiria que eles trouxessem o mundo de gelo e fogo de George Martin para a vida de todos nós de uma forma épica.

 A HBO poderia fazer uma série animada de Game of Thrones!

Há cinco ideias secundárias que estão em desenvolvimento para quando a série terminar em 2019, e a rede já disse que pode haver mais de um derivado para ir ao ar. Seria difícil para qualquer spin-off alcançar o mesmo status, e sucesso de sua predecessora como uma das series mais populares do mundo. E todo o espetáculo visual de Game of Thrones, e a quantia de dinheiro gasta para produzi-lo, tornará isso bem mais difícil para a rede produzir outro sucesso arrebatador. Os fãs permanecerão fiéis se parecer que a HBO está produzindo algo inferior a Game of Thrones? Será que faz sentido gastar rios de dinheiro em uma série que pode não ser tão bem-sucedida?

É por isso que, se eles escolherem fazer mais de um spin-off, uma série animada faria muito sentido. Não custaria nem perto do mesmo orçamento, e também permitiria que eles acumulassem o dinheiro que precisam para uma segunda série, o que significa que receberíamos mais conteúdo de Game of Thrones com uma alta qualidade. E eles não precisam se perguntar se uma série de desenhos animados seria boa, já que, por sete temporadas, seus vídeos animados de “Histórias e Tradição” são arrebatadores. Embora o estilo de animação deles tenha mudado de temporada para temporada, os vídeos curtos, atraentes e ricos sempre exploraram figuras famosas, eventos, lugares, religiões e lendas da história de Westeros, desde o primórdios até os eventos atuais da série. 

Eles provaram ser tão populares, que o Blu-ray da sétima temporada incluiu uma parcela prolongada, o curta-metragem de 45 minutos e 11 capítulos Conquest & Rebellion: Uma História Animada dos Sete Reinos. Abrangeu milhares de anos de história sobre como os Targaryens chegaram a governar Westeros – e a perderam para Robert Baratheon – abordando alguns dos melhores personagens e eventos da incrível história de fundo de George R. R. Martin.

E uma grande parte do que torna “História e Tradição” tão bom é que o formato permite que eles façam algo que não podem fazer, mesmo que paguem US $ 15 milhões por episódio por Game of Thrones. Porque na série As Crônicas de Gelo e Fogo, de Martin, os locais de Westeros são ainda mais épicos e grandiosos do que aparecem na série. O Trono de Ferro dos romances é descrito como uma torre monstruosa de aço, e Harrenhal é tão grande que parece ter sido projetado para os Gigantes viverem. Imagine o orçamento que seria necessário para recriar a famosa cidade de Valíria antes de sua queda.

Mesmo as roupas e armaduras nos livros são muito mais impressionantes do que os fãs da série podem perceber, como a frequência com que os mais famosos lutadores dos Sete Reinos usam enormes e ornamentados elmos para a batalha. Se você gosta do capacete do Cão Sandor Clegane, isso não é nada comparado ao que seria ver Robert e Rhaegar batalharem no Trident enquanto um deles entra com grandes chifres para enfrentar um dragão de três cabeças.

Uma série animada também significaria que a HBO não precisa necessariamente decidir apenas uma ideia de spin-off. Poderia ser facilmente uma série de antologia, com cada temporada abordando uma era, figura ou evento histórico diferente, sem se preocupar como eles poderiam realmente fazer isso. Imagine uma antologia contando as aventuras de Sor Duncan o Alto junto de Egg. Todas as temporadas podem incluir um estilo de animação diferente, para mantê-lo atualizado, ou para melhor se adequar à história contada.

 

Não é que um desenho animado de Game of Thrones seja tão bem-sucedido quanto a série original – as chances de qualquer spin-off ser provavelmente perto de zero são grandes – , mas permitiria à HBO expandir a franquia a uma fração do custo. O mundo de Westeros seria trazido a vida de maneiras nunca antes vistas, sem contar que eles poderiam contar qualquer história que eles desejassem. E, graças à “História e Tradição”, sabemos o quão bom (e foda!) isso pode ser.

Via Nerdist