[SÉRIE] Snatch – 1ª temporada (review)

Lançada esse ano pelo Crackle, serviço de streaming da Sony, Snatch é a baseada no longa homônimo Snatch – Porcos e Diamantes, de Guy Ritchie estrelado por Jason Statham e Brad Pitt (melhor filme, se você ainda assistiu, pare de ler agora e vá assistir!).

Elenco do filme de Guy Ritchie

Sinopse: Inspirado por um assalto real em LondresSnatch gira em torno de um grupo de jovens que encontra um caminhão carregado de barras de ouro roubadas e são levados a trafegar no mundo do crime organizado. Os rapazes devem aprender a sobreviver no submundo de Londres lidando com policiais desonestos, lutadores, vilões locais e mafiosos de todo o mundo.

Snatch foca em três amigos, barra parceiros de crime: Albert Hill (Luke Pasqualino), Charlie Cavendish (Rupert Grint) e Billy (Lucien Laviscount). Albert é o líder do grupo e tenta fazer o papel de bom moço de vez em quando, hora foge do passado criminoso de sua família, hora tenta se igualar ao pai (louco e divertido criminoso) Vic Hil (Dougray Scott). Charlie é um burguês inglês (que para sempre será Ron Weasley), vindo de uma família tradicional, que já não está tão tradicional assim (pelo menos seus pais não são), e que tenta ser um mafioso para dar algum sentido a sua vida. É o mais atrapalhado dos três, e o maior responsável pelas confusões em que o grupo se mete (com direito a ficar louco depois de ingerir algumas “balas” com a intenção de ficar mais “alegre”, junto de três judeus traficantes de drogas, e ir parar em um clube de strip). Billy é o meio-cigano bom de briga, e aspirante a boxeador (principalmente as lutas armadas) leal aos amigos de infância.

Acompanhando os três estão as duas moças sagazes e astutas Lotti Mott (Phoebe Dynevor) e Chloe Cohen (Stephanie Leonidas).

Outros destaques da série ficam por conta de Vic Hill, que tem ligação com o ouro roubado desde os passado, além de ser uma figura dentro da prisão. Há também o tio Dean, líder do grupo de ciganos, que é completamente pirado (como todo bom cigano é). Tio Dean rege uma cerimônia reunindo todos os ciganos para fundirem todo ouro roubado, e transformá-lo em uma banheira de ouro. A mãe de Albert Lilly Hill tenta ser a cabeça que não pende para o lado do crime, ao contrário do filho e do marido.

A série traz ao longo dos episódios bons plots twists, fazendo você soltar boas gargalhadas ou dizer aquele “p.q.p” no fim do episódio. Há boas homenagens ao filme de Guy Ritchie, como na frase clássica de Avi (Dennis Farina) em que lhe é perguntado: “Algo a declarar?” e ele responde: “Sim. Não vá para a Inglaterra.” A série recria essa frase com Albert, só que ao inverso, quando ele volta de Nova York. O único contra até o momento fica a cargo do personagem Bob Fink (Marc Warren), um policial corrupto atrás do ouro que também faz parte do seu passado. Fink é meio que o antagonista principal da série, mas não carrega consigo o carisma dos outros personagens.

Snatch está no sétimo episódio (até a escrita desse post) e se estenderá até o décimo, e já está renovada para a segunda temporada. A direção fica a cargo de Nick Renton (JerichoThe Musketeers). A série merece sua atenção, pois vai te prender no submundo de Londres, contando os acertos e fracassos de jovens aspirantes a gangsteres (melhor dizendo, trapalhadas de uma gangue de jovens tentando se dar bem com roubos, lutas armadas, diamantes e vendas de banheiras de ouro, enquanto tentam se livrar de gangsteres colombianos, traficantes de joias e ciganos loucos).

Trailer:

P.S: A única coisa que faltou até agora foi aparecer uma Águia do Deserto .50, mas ainda fico na esperança disto acontecer ao longo dos três últimos episódios.