[SÉRIES] Sleepy Hollow

Image

Fui surpreendido no ano passado com a estreia dessa série. Sempre curti a lenda do cavaleiro sem cabeça, desde que a conheci em um desenho do Scooby Doo até o excelente filme com Johnny Depp e Christina Ricci. Assim, quando eu vi o título, não tive dúvidas, fui logo assistir, mesmo sem conhecer o exato teor dessa nova adaptação.

Image

Vejo semelhanças…

O primeiro episódio me deixou um pouco decepcionado no entanto. Vi muito potencial para uma série de terror, mas a mesma segue uma linha bem mais light, bem ao estilo de Supernatural. Entretanto estou persistindo nesta temporada para ver se ela muda minha opinião inicial

A história começa no século dezenove, com Ichabod Crane lutando junto dos americanos na guerra civil. De cara ele enfrenta um casaca vermelha muito modafoca e é golpeado fatalmente, mas antes de tombar consegue decapitar o inimigo.

Nesse ponto já adivinhamos quem será o cavaleiro sem cabeça. Porém a série avança para a época atual e o cavaleiro é despertado. Junto com ele, Ichabod acorda de sua tumba também. Em sua batalha, o sangue de ambos se cruzaram, interligando seus destinos.

Pode parecer um recurso narrativo interessante transportar a trama do século 19 para o presente como uma boa sacada, mas não consigo deixar de pensar que isso foi utilizado para reduzir os gastos com cenários e locações, além de facilitar o roteiro.

Na cidade de Sleepy Hollow atual, Ichabod conhece a tenente da polícia Abigail Mills, que também está destinada a combater o cavaleiro sem cabeça. Ambos juntam forças para enfrentar o mal.

Image

Aqui a trama se expande, pois o cavaleiro é muito mais do que um mero fantasma, ele representa a Morte, um dos quatro cavaleiros do apocalipse, trabalhando para o sete peles Moloch.

Mais uma vez eu vejo um recurso que supostamente engrandeceria a trama ser na verdade uma desculpa para facilitar a vida dos roteiristas. O cavaleiro deixa de aparecer em todos os episódios e caímos no clichê do “monstro da semana”. De golens a uma versão maligna do Sandman, os heróis enfrentam criaturas variadas que sempre aparecem para ameaçar a cidade de Sleepy Hollow e aparentemente nenhum outro lugar. Mais alguém lembrou de Power Rangers?

Mas nem tudo são críticas ruins. Mesmo com todos esses reveses a série vem se construindo. Foram apenas dez capítulos. Podemos destacar os momentos de alívio cômico em que Ichabod tenta se habituar à tecnologia atual. Imaginem o quão estranho é para uma pessoa de dois séculos atrás muitos dos conceitos que para nós são comuns. Destaque para a parte em que Ichabod tenta usar a internet e recebe um Spam de pornografia.

Image

Merece um grande destaque a participação do incrível ator John Noble, o carismático Walter Bishop da série Fringe. Mesmo não tendo uma participação extensa na trama, ele sabe roubar a cena quando aparece.

Por enquanto minha nota para série permanece em 7. Como dito no começo, é uma obra com muito potencial, mas este ainda está sendo subaproveitado. Mas não a deixo de recomendar para você que gosta de um pouco de mistério e criaturas sobrenaturais

Curta nossa página no Facebook e nos siga no Twitter para mais bugigangas do universo nerd e geek.