[SERIAL KILLERS] Ted Bundy – Quer Ouvir Uma Piada Sobre Fantasmas?

Tradução e Versão por Raquel Pinheiro (Walf Traduções)

Serial Killer e estuprador norte americano, Ted Bundy foi um dos mais importantes criminosos do século XX. Ted Bundy nasceu em Novembro de 1964, em Burlington, Vermont. Sua biografia é sangrenta e, sem dúvidas, insana desde o começo.

ted-bundy

Nos anos setenta, o bandido cometeu estupros e assassinatos de mulheres jovens em diversos estados. Segundo informações mais acuradas, Bundy teria cometido pelo menos 36 assassinatos, mas há quem diga que os crimes excederam a marca das centenas.

Ele foi executado na Flórida, na cadeira elétrica, no ano de 1989.

Seu charme e sua inteligência fizeram dele um tipo de celebridade macabra, em sua sangrenta e meteórica carreira de ceifador de vidas. O caso “Ted Bundy” foi inspiração para muitas obras literárias e cinematográficas sobre assassinos em série.

Antes de sua biografia, gostaria de deixar as frases do citado assassino. A frieza assusta.

“Assassinato não é somente um crime de luxuria e violência. Mas sim possessão, as vítimas são parte de você… Você sente a última respiração deixando seus corpos… E você olha nos olhos. Uma pessoa nesta situação é Deus.”

“Nós, Serial Killers, somos seus filhos, nós somos seus maridos, nós estamos em toda parte. E haverá mais de suas crianças mortas no dia de amanhã. Você sentirá o último suspiro deixando seus corpos. Você estará olhando dentro de seus olhos.”

“Eu quero dominar a vida e a morte.”

“Não, eu não tive nenhuma misericórdia por nenhuma delas… também não sinto nenhum remorso… eu sei, fiz muita coisa errada, mas ainda assim eu sou humano. Cortei a cabeça de uma delas com uma serra e a levei para meu apartamento, sei… mas há muito mais em mim do que esse cara que andou fazendo loucuras por aí. Se me deixarem viver pelo menos mais alguns anos. Não estou pedindo misericórdia nem perdão. Só peço mais um tempo. Em troca posso ajudar a solucionar muitos crimes, posso ser muito útil.”

“Eu sou o mais frio filho da puta que vocês jamais vão encontrar, eu gostava de matar, eu queria matar.”

“Nós estamos em toda a parte.”

Theodore Bundy, ou Ted, como era chamado, nasceu filho de mãe solteira. Eleanor Cowell tinha apenas 22 anos de idade e não era casada quando deu à luz seu filho Theodore, o que foi um escândalo na época. O problema maior de Eleanor foi sobretudo com seus pais, que eram muito conservadores e muito religiosos.

Para esconder a terrível vergonha de uma filha que se tornara mãe solteira, Os pais de Eleanor a forçaram a colocar o menino para uma falsa adoção. Assim, Ted foi criado como se fosse filho de seus avós e irmão de sua mãe.

Para todos os efeitos, Ted foi criado numa família estruturada. Muito embora as estruturas estivessem bastante torcidas.

imagesBundy começou a demonstrar interesses macabros desde muito cedo. Quando tinha apenas 3 anos de idade, o pequeno Ted criou uma enorme fascinação por facas. (Cuidado com as coisas das quais seu filho gosta)

Bundy sempre foi uma criança tímida, mas muito inteligente e eficiente como aluno. Seu sucesso intelectual era inversamente proporcional ao seu talento social. Bundy era mal visto pelos colegas, quase sempre vítima de chacotas e brincadeiras de mau-gosto.

Quando adolescente, Bundy gostava de espionar janelas alheias (não é como se ele fosse o George McFly, é claro), chegando a invadir algumas casas. Mas Bundy jamais roubava.  Apenas praticava invasões. (uma ironia muito amarga, se pensarmos que ele se tornou estuprador mais tarde).

Quando estudava na Universidade de Washington, Ted se apaixonou por uma colega de faculdade e os dois iniciaram um namoro. A moça era bonita, rica, tinha influência e tudo o que qualquer moça poderia querer. Tinha tudo também que um pretendente gostaria de ver numa mulher, é claro.

A-Ultima-Entrevista-de-Ted-Bundy-Meg-AndersPor razões desconhecidas, os dois terminaram, e deste fato adveio a grande decepção de Ted Bundy.

Algo interessante de ressaltar no caso de Ted é que a ex-namorada que lhe partiu o coração era uma bela jovem de cabelos escuros compridos. Esse foi o exato padrão que ele adotou para suas vítimas: Jovens estudantes de cabelos longos e escuros. Ted Bundy tinha o hábito grotesco de estuprar suas vítimas antes de assassiná-las a sangue frio – por meio de espancamentos.

ted-bundy-victims

Algumas poucas vítimas identificadas.

O número exato de mulheres mortas por Ted nunca poderá ser oficialmente afirmado, posto que as informações acerca dos crimes são bastante desencontradas. Existe ainda um debate acerca de quando o Criminoso teria iniciado seus assassinatos. Muitos acreditam que a primeira vítima teria surgido no ano de 1974.

Nessa época, supostamente quando começou a matar, Ted teria começado a tomar um perfil mais confiante, mais ativo socialmente. Ele teria até mesmo se interessado por assuntos políticos, talvez para melhorar sua interação social (naquela época, funcionava). Ele se formou em 1972, em Direito, chegando a ganhar uma carta de recomendação do Governador de Washington, na época, após trabalhar em sua campanha eleitoral.

A-Ultima-Entrevista-de-Ted-Bundy-Capa-21Mais ou menos por essa época, muitas mulheres de Seattle e das proximidades de Oregon começaram a desaparecer (algo bastante comum naquela época). Muitos dos contatos das vítimas relatavam que sua última companhia teria sido um jovem rapaz, muito charmoso, de cabelos escuros e expressões marcantes, conhecido como Ted. Coincidência?

De acordo com testemunhas, e com as próprias confissões de Bundy, ele atraía as vítimas para seu carro com a desculpa de que estaria ferido e necessitando de ajuda. A bondade das vítimas em tentar ajudar era sua sentença de morte.

Bundy mudou-se para Utah no outono de 1974. No mesmo ano, muitas mulheres começaram a desaparecer naquela região, o que acabou deixando a polícia desconfiada.

Em 1975, Ted Bundy foi detido pelo sequestro de Carol DaRonch, uma das poucas mulheres que escapou de um destino funesto nas mãos do assassino.

Ao promoverem buscas em seu carro e casa, a polícia encontrou vários instrumentos para promover arrombamentos, uma máscara, cordas e algemas. A partir desses elementos, a polícia começou a ligar a Bundy os casos de desaparecimento ocorridos recentemente.

Do auge de sua autoconfiança – talvez a sensação de poder em tirar a vida de outras pessoas – Ted, ao ser levado a júri, decidiu ser seu próprio advogado. Mas seus planos eram mais inteligentes que promover autodefesa. Durante o julgamento, Ted conseguiu escapar, sendo preso apenas 8 anos depois.

tumblr_n9782ta8bt1smcb77o1_250Muitas das vítimas de Ted Bundy foram reconhecidas não apenas em razão do padrão escolhido por ele, mas porque todas tinham marcas severas de violência sexual e mordidas poderosas em todo o corpo. Além disso, muitos dos corpos eram esquartejados. O próprio Ted admitia ter um gosto insaciável por Pornografia Pesada, o que sem dúvidas aplicava em suas vítimas. Os estupros eram de tal forma crus, que muitas das moças mortas pareciam ter sido atacados por mais de um homem, tamanha a brutalidade dos atos do Serial Killer. Havia ainda a suspeita de que Ted cometia canibalismo.

Ted recebeu pena de morte, quando foi pego e julgado. (Na realidade, de alguma forma, ele recebeu três penas de morte, o que não faz sentido algum.)

60Bundy lutou para não sofrer pena de morte, com anos e anos de apelações jurídicas sobre sua sentença, sem sucesso. Em 24 de janeiro de 1989, o assassino encontrou seu destino na prisão estadual da Flórida, às sete da manhã, sendo executado na cadeira elétrica.

Do lado de fora da prisão, enquanto o assassino recebia sua sentença final, multidões se aglomeravam para amaldiçoá-lo.

Mesmo a morte de Ted Bundy não foi forte o bastante para acalmar os ânimos públicos a seu respeito.

Sua vida foi relatada em forma de ficção misturada à realidade em diversos filmes e filmes, como O Silêncio dos Inocentes, sem falar em um filme que levou o nome do assassino.

Segue uma de suas últimas entrevistas. Note a frieza:

Não bastasse TUDO, o maldito morreu com um sorriso no rosto.

tumblr_lobve6xlaQ1qaye6lo1_500 (1)


Livros relacionados:

Filmes e séries relacionadas:

One thought on “[SERIAL KILLERS] Ted Bundy – Quer Ouvir Uma Piada Sobre Fantasmas?

Comments are closed.