[QUADRINHOS] SDCC ’14: HABEMUS STAR WARS. Marvel já chegou metendo o pé em painel de Cup O’ Joe.

estrela guerras

E eu achando que não teria nenhum anúncio importante pros quadrinhos nesse sábado, hein.

Surpreendendo bastante gente (inclusive eu), o clássico painel de quadrinhos Marvel, Cup O’ Joe, aconteceu nesse sábado. Juntos do “showrunner” Joe Quesada, tivemos a presença de Axel Alonso, Nick Lowe Jordan D. White, além dos roteiristas Brian Michael Bendis (X-Men, Vingadores) e Dan Slott (Espetacular/Superior Homem-Aranha).

Começando o painel com uma rápida discussão sobre o one-shot “Marvel’s 75th Anniversary“, foi revelado que a edição trará uma história desenhada por Bruce Timm (sim, o mesmo lindo responsável pela série animada do Batman, Liga da Justiça, etc.). Os desenhos de Bruce adaptarão a primeira história de Stan Lee pra Marvel, o que lhe rendeu o seu trabalho na editora, protagonizada pelo Capitão América. Brian Bendis também escreverá uma história com Jessica Jones, nessa mesma edição especial, explorando as raízes do Universo Marvel.

Uncanny X-Men Annual #1 por Andrea Sorrentino

Uncanny X-Men Annual #1 por Andrea Sorrentino

Mudando pro lado cósmico da editora, Bendis falou da sua experiência trabalhando com Ed McGuinness em uma história dos Guardiões da Galáxia, que pretende explicar como alguns de seus membros – como o Senhor das Estrelas – voltaram da morte e do Câncerverso depois de Imperativa Thanos (já tava na hora, hein). “A questão de como eles poderiam estar vivos à tempo pro filme nunca foi respondida”, Bendis disse brincando.  A primeira notícia mais impactante veio quando Bendis anunciou que a edição anual de Fabulosos X-Men será desenhada pelo espetacular Andrea Sorrentino (Eu, Vampiro; Arqueiro Verde), que anunciou há pouco tempo o fim de sua parceria com Jeff Lemire no título da DC (perdeu, playboy!).

E então, ao som da inconfundível trilha de John Williams, Quesada fez a minha alegria (e da minha timeline no Twitter também), anunciando HQs de Star Wars publicadas pela Marvel, o que já era de se esperar, considerando a compra da LucasFilm pela Disney. A produtora que leva o nome de George Lucas estará envolvida na produção dos quadrinhos, para que tudo que seja escrito faça parte do canon oficial da franquia lendária.

As equipes criativas são lindas: a mensal Star Wars por Jason Aaron (Thor) e John Cassaday (Astonishing X-Men), a minissérie Star Wars: Princess Leia por Mark Waid (Demolidor) e Terry Dodson (Fabulosos X-Men) e Star Wars: Darth Vader por Kieron Gillen (Jovens Vingadores) e Salvador Larroca (Homem de Ferro). Todos os três títulos se passarão entre o Episódio IV: Uma Nova Esperança e o Episódio V: O Império Contra-Ataca. Fãs de Boba Fett devem ficar ligados na HQ de Vader. A publicação desses títulos deve começar à partir de Janeiro.

Star Wars: Darth Vader #1 por Adi Granov. Star Wars #1 por John Cassaday. Star Wars: Princess Leia #1 por Terry Dodson.

Star Wars: Darth Vader #1 por Adi Granov. Star Wars #1 por John Cassaday. Star Wars: Princess Leia #1 por Terry Dodson.

Indo às perguntas dos fãs, Bendis disse que adoraria a ideia de um título solo com Maria Hill, embora alguns personagens funcionem melhor como parte de um grupo maior. Sobre o papel de Anjo em All-New X-Men, o roteirista pretende explorar a relação do personagem com X-23. Aguardem desdobramentos para as atitudes recentes e mais radicais do Fera, em uma história que Bendis chamou de “O Julgamento de Hank McCoy“.

Algum plano para personagens transgênero se unindo às fileiras da Marvel? De acordo com Alonso, isso tem sido discutido e essa ideia deve ser posta em prática muito em breve.

Slott comentou sobre seus planos para o Homem-Aranha Superior de Otto Octavius, dizendo que seu destino será um dos plots principais em Spider-Verse.

Ainda sobre a polêmica da suposta sabotagem aos títulos dos X-Men (sério que tem gente que acredita nisso?), Alonso afirmou que não cancelarão NENHUM título. “Graças a Deus! Eu tenho MUITAS crianças para sustentar”, Bendis brincou. Os planos do roteirista para a equipe são bem extensos e devem durar por um bom tempo ainda.

Antes de encerrar o painel, Quesada ainda foi premiado por um dos organizadores do evento devido às suas muitas colaborações ao ramo (NESSAS HORAS NINGUÉM LEMBRA DO QUE ELE FEZ PRO HOMEM-ARANHA, NÉ?).

Leo Marchezini é um dos responsáveis pelo Why Not Comics?, em parceria com o Nick, seu irmão de um universo paralelo. Ele espera que a Força esteja com a Marvel Comics porque ela merece.