Primeiras impressões – Samsung Galaxy S4

samsung galaxy s4

E acabou o mistério, a Samsung acaba de realizar em Nova Iorque seu evento Unpacked onde ela mostrou para o mundo pela primeira vez seu novo Galaxy S4. Eu acompanhei o evento ao vivo e vou relatar aqui um pouco das minhas primeiras impressões sobre o aparelho e o que a Samsung está pretendendo pra sua linha de produtos esse ano, pelo que pude notar.

O lugar escolhido, o Radio City Music Hall, estava lotado e muita gente ao redor do mundo sintonizou na transmissão ao vivo do evento pela página do youtube.

galaxy-s4-2

O evento começou muito bem, mostrando ter uma produção acima da média que estamos acostumados a ver por aí. O meninho fofo dos teasers do novo aparelho entrou no palco e tudo mais… Mas aí… acaba a magia, o menininho não vai mostrar no novo S4, vamos chamar um CEO japa que deve ter um ego super alto, mas nem sabe falar inglês direito porque ele acha que pode ser um novo Steve Jobs e quer apresentar o aparelho ele mesmo.

galaxy-s4-3

Daí o japa – calma, eu sei que ele não é japonês, mas me deixa praticar cyberbullying em paz – sobe no palco, fala um monte de coisa bonita sobre como o produto foi concebido e como ele agora vai ser seu companheiro de vida (sim, companheiro de vida, esse é slogan do novo aparelho) e aí sobe uma música dramática como se você estivesse entrando em Mordor e BOOM! Mostram o S4. Legal, véio japa, fez sua parte, apareceu pro mundo, agora desce do palco e deixe o pessoal que sabe falar um pouquinho melhor cuidar disso.

Daí começou uma série de esquetes teatrinho vergonha alheia (tudo bem, em alguns momentos até foi legal) pra mostrar cada função nova do aparelho. Vamos mostrar a câmera? Aqui temos uma meninnha que vai fazer a apresentação de balé na escola e o pai não tem um S4… Oh não! As fotos vão ficar horríveis! Corta pra uma família que tem o S4 e todas as fotos do filho vão ficar lindas! Bem nesse estilo.

Enfim, vamos ao que mais interessa aos mais curiosos: as especificações técnicas.

galaxy-s4-4

Com uma tela de 5 polegadas com resolução Full HD, será lindo admirar suas fotos e vídeos nele. A densidade de 441 pixels por polegada é, sim, incrível. Uma tela dessa com certeza vai chupar muita bateria, mas a Sammy se precaveu e colocou uma de 2600 mAh pra tentar fazer o bichinho durar o dia inteiro. Será que a promessa vai ser cumprida? Ele também é bem rápido. Conta com 2GB de memória RAM, chega com opções de 16, 32 ou 64GB de armazenamento interno. Só não ficou muito claro qual o processador está lá dentro ainda, mas com certeza é um ótimo processador pra aguentar esse tranco. Também vem com o pacote Bluetooth 4.0, Wi-Fi a/b/g/n/ac e 4G LTE global e diversos sensores incluindo os novos de temperatura, umidade e infravermelho. Um conjunto bem respeitável para um corpo tão esbelto: 13,87 cm de altura e 6,98 cm de largura, com 7,9 mm de espessura pesando só 130g.

Atualização: Segundo o Gizmodo, aqui no Brasil, a versão com 3G recebe o novo processador Exynos 5, com 8 núcleos, anunciado na CES deste ano e a versão com 4G receberá um processador quad-core da Snapdragon. Pelo jeito, a Samsung não conseguiu dar suporte ao 4G nacional em seu último processador. A coreana promete um lançamento de peso aqui e que logo os primeiros lotes já serão fabricados por aqui.

Mas se você não é o tipo de cara que fica tão preocupado com específicações (bate aqui, eu também não sou!) a Samsung trouxe um recheado pacote de novidades que prometem revolucionar sua vida e como você interage com seu celular.

O Smart Scroll foi a feature mais manjada da noite, todos já esperavam por ela: se estiver lendo uma página na web, por exemplo, só de olhar para a tela e inclinar seu aparelho para cima e para baixo, o conteúdo irá rolar pra que você possa continuar a ler. Pegando carona na mesma vibe, vem o Smart Pause. Tá assistindo um vídeo e tirou o olho da tela? O telefone pausa o vídeo e continua a exibição assim que perceber que está você olhando de novo. Essas duas features não me agradam muito. A rolagem utilizando o dedo é bem mais conveniente na maioria dos casos, mais precisa e mais rápida também e não consigo parar de imaginar que eu iria me irritar muito com o Smart Pause se quisesse mostrar um vídeo pra alguém, ou se for deixar um vídeo rolar enquanto mexo no PC ou estou batendo papo com alguém.

Estou te ignorando intencionalmente, telefone. Pause o vídeo.

Estou te ignorando intencionalmente, telefone. Pause o vídeo.

Air View e Air Gesture se baseiam no fato de que você pode controlar coisas na tela (pré-visualizar álbuns de fotos ou navegar pela web) sem precisar de fato encostar nela, mantendo seu dedo a uma distância de poucos centímetros do vidro. Legal pra quando você estiver com a mão suja ou molhada. Ah, e o touchscreen também funciona com luvas.

Ainda tem o S Translate que faz traduções para 9 idiomas (incluindo aí o Português Brasileiro) recebendo como entrada tanto voz, quanto texto. O Adapt Display ajusta automaticamente as configurações da tela de acordo com o que está sendo exibido nela. O S Health tenta te ajudar a melhorar sua saúde de alguma forma que não consegui entender. O S Voice ainda está lá e recebe a companhia do S Voice Drive, que te ajuda a controlar o telefone enquanto dirige: ouvir mensagens, responder, encaminhar… está tudo ali. Ainda tem o Knox que separa dois perfis distintos no mesmo aparelho: pessoal e profissional.

Me deixa. Tô locona curtina uma S Balada com minhas migs!

Me deixa. Tô locona curtina uma S Balada com minhas migs!

Daí veio o Group Play… você pode fazer até 8 Galaxies S4 tocarem a mesma música em sincronia, mesmo sem conexão a internet. Por que alguém ia querer fazer isso, pra mim, ainda é um mistério. Também dá pra compartilhar fotos e vídeos. Veio o ChatOn, que faz chamadas usando as duas câmeras e também permite compartilhar a tela do telefone com a outra pessoa, ótimas ideias mas que provavelmente só serão compatíveis dentro do próprio ChatOn. E eu quero isso no Skype ou no Whatsapp. Sério, alguém usa o ChatOn?

A câmera veio com algumas boas inovações, ela tem 13 megapixels, nada foi falado sobre a lente. É possível gravar vídeos e tirar fotos usando as duas câmeras ao mesmo tempo e fazer diferentes composições da imagem, também é possível tirar mais de 100 fotos em 4 segundos e escolher a melhor ou permitir que o telefone analise as imagens e escolha quais os melhores momentos da ação. Outra adição legal foi o Sound & Shot, que integra 5 segundos de áudio do momento em que as imagens foram capturadas.

galaxy-s4-7

Não foi anunciado preço, mas você já devia ter começado a economizar se quiser um logo no lançamento, que deve ocorrer no fim de Abril.

Atualização: Segundo o TechTudo, o aparelho chega dia 26 de Abril a partir de R$ 2399,00.

E é isso. Parabéns se você chegou até aqui. Agora vamos ter uma séria conversa… O que podemos tirar disso tudo?

galaxy-s4-8

Tem muita coisa boa ali, mas também tem muita coisa que me assusta. A Samsung está gastando muito tempo e dinheiro em inovações bobas, em coisas que deveriam ser feitas por terceiros. Smart Pause? Sério? Eu quero saber quando vamos ter um telefone topo de linha que não tenha um sistema operacional que pareça que foi feito há 3 anos atrás. O Galaxy S4 vem com o Android 4.2.2, e isso é muito bom, mas ele vem com a TouchWiz por cima dele, o que é muito ruim. Se você já usou o Android alguma vez em toda glória e sua pureza em versões mais atuais que a 4.0 você sabe o quanto o TouchWiz é ruim, lento e feio. E nós continuamos recebendo isso. Sério, Samsung, já se passaram anos desde que a base filosófica de interação com o usuário do Android mudou e você continua presa no passado, você é hoje, entre as grandes fabricantes de dispositivos Android, a que pior modifica o sistema. Mesmo depois de ter feito um Nexus. Desista. O aplicativo de câmera padrão do Android 4.2.2 é lindo, moderno, rápido e inovador com sua interface circular, a Samsung nos dá a mesma interface travada e efeitos cafonas de séculos atrás.

Eu não quero um telefone que venha com uma funcionalidade de compartilhar música com 8 pessoas que tenham um telefone igual ao meu. Eu quero um telefone moderno, que tenha um sistema que siga padrões. Não quero uma funcionalidade inovadora de chamadas em dual camera que só funcione utilizando o ChatOn, quero que isso seja uma funcionalidade padrão. Não quero que você perca tempo desenvolvendo milhares de níveis de integração do seu dispositivo com… outros aparelhos Samsung. Não quero precisar ter uma TV da Samsung pra usar a sua cópia do AirPlay. Eu pensava que você era a alternativa ao ecossistema fechado da Apple, não que você quisesse montar um ecossistema pior (desculpem, Sammy fags) menos conectado e, arrisco-me até a dizer, mais fechado.

Não me venda monitores de frequência cardíacas e balanças que conversam com o S4. Deixe que um desenvolvedor integre isso no RunKeeper ou no Endomondo e faça acordos de distribuição e suporte desses produtos. Eu não quero, que no momento da minha escolha de compra de celular a minha escolha de compra de TV tenha que vir atrelada.

galaxy-s4-9

Eu quero que a Samsung invista tempo melhorando suas modificações do Android, modernizando seu TouchWiz e abrindo portas não intrusivas de integração do Android com outros dispositivos. Quero que eu consiga fazer streaming pra minha TV da Sony ou da LG, porque, bem… eu não vou trocar de TV por causa de um celular.

Não me levem a mal, não estou dizendo que o aparelho é ruim ou que não vale a pena a compra. Apenas que no mundo lindo da Samsung tudo isso funciona e se integra perfeitamente dentro de seus Hubs. Mas eu nunca vi um dono de S3 usando o S Voice. Nem os gestos para abrir a câmera ou pra tirar screen shots. Muitos nem sabem que eles existem.

galaxy-s4-10

A grande maioria das inovações incríveis vendidas pela Samsung em seu evento já tinham dado as caras em outros aparelhos antes, a empresa teve a sacada de pegar várias coisas boas e juntar em um aparelho só. Mas, pelo que parece, vamos ficar mais um ano presos a pequenas inovações de nicho que não vão atingir o grande público, não vão fazer o celular ser o companheiro de vida de ninguém. Vamos ficar preso a essa revolução do inútil.

3 thoughts on “Primeiras impressões – Samsung Galaxy S4

  1. Pingback: Primeiras impressões – Samsung Galaxy S4 | GeekTrooper

  2. Pingback: Apple VS Samsung: a briga como você realmente queria ver. | GeekTrooper

Comments are closed.