[#osNerdpira] Porque a maior lua de Plutão pode ser amada por todos os nerds

Nerds e o “nerd power” avançam pela universo.

Você amigo que gosta de astronomia e se viu empolgado com a viagem da New Horizons a Plutão e ficou maravilhado com as imagens que chegaram aqui na Terra, a missão também tinha como objetivo capturar imagens de Caronte, a maior lua do planeta distante.

New-Horizons-Detalhe-de-Caronte

Em detalhe a superfície de Caronte

As imagens mostram as crateras, as planícies e as montanhas da superfície lunar. Faltava então nomear essas formações geográficas. É aí que entra o “nerd power”.

A equipe da New Horizons submeteu ao público a escolha dos nomes para denominar as formas geograficas mais marcantes de Caronte. Os nomes foram escolhidos e muito deles vieram de filmes, séries de TV e livros.

Charon_Map-640x456

As crateras Skywalker, Leia Organa e Vader (sendo esta a cratera mais escura) são referências diretas de Star Wars. As crateras Spock, Kirk, Sulu e Uhura junto com a planície Vulcan vão deixar os fãs de Star Trek bem animados.

Um certo Senhor do Tempo pode ter um ponto especial para pousar em Caronte: a chasma (“depressão profunda, alongada, e de laterais íngremes”) Tardis cruza a mácula Gallifrey, referências à nave e ao planeta da série Doctor Who. Ainda foram nomeadas crateras com os nomes Ripley e Nostromo, referências aos filmes da série Alien. A série de TV Firefly de Joss Whedon também foi lembrada com a chasma Serenity.

E a macula gigante localizada no poló norte de Caronte recebeu o nome de Mordor, região territorial controlada por Sauron de O Senhor dos Anéis.

O cientista planetário, Mark Showalter, disse ao site Mashable que apesar de serem nomes provisórios, existe uma grande possibilidade de serem aprovados. A União Astronômica Internacional (IAU, abreviação em inglês) é o órgão responsável pela oficialização das denominações aos corpos celestes. Nomes dados aos planetas devem ser referências a mitologia do submundo – dessa maneira a equipe da New Horizons sugeriu a IAU o nome Cthulu regio (regio é uma grande área diferenciada por sua cor) e mácula Balrog, nomes ficcionais de criaturas subterrâneas dos livros de Lovecraft e de J.R.R. Tolkein, respectivamente, a regiões de Plutão.

Pluto_Map-640x284

Tratando-se da lua Caronte, as regras de denominações são diferentes e aí que entrou a força dos nerds e a sugestão dos nomes já que a IAU permite que as denominações pudessem fazer referências aos “marcos espaciais e destinos ficcionais”. Segundo Showalter, a IAU favorece nomes bastante antigos e como Star Trek tem quase 50 anos e Star Wars está beirando os 40 anos as chances das referências serão oficializadas são grandes. O próprio astrônomo confirma que os nomes Frodo e Bilbo já foram previamente aprovados para formações de Titã, lua de Saturno.

Independente dos nomes serem aprovados ou não, o eterno Capitão Kirk, William Shatner já se mostrou entusiasmado: “estou orgulhoso de que deram nome de uma série e de outros shows as características físicas de Caronte, incluindo Cratera Kirk. É uma honra ter um personagem que você ajudou a criar ser dado tal estimado reconhecimento”.

(Via Mashable)