[NOSTALGIA] Que Saudades da Rede Manchete – Samurai Warriors.

Sim, galera, cá estou de volta para trazer aquele gostinho de saudade daqueles que, tendo sido sortudos, conseguiram ser agraciados pela maravilhosa programação da falecida (R.I.P) Rede Manchete.

E hoje é dia de falar de um anime incomum… e ao mesmo tempo bem clichê, mas não menos interessante por isso.

SAMURAI WARRIORS

Esse não foi exatamente um anime que fez fama de forma ampla. Talvez até seja relativamente óbvio o porquê. Muito embora Samurai Warriors tenha sido um anime que tentava resgatar a cultura dos Samurais de alguma forma, além de tratar das forças da natureza, de uma forma ou de outra, mesmo as criancinhas menores que assistiam ( eu, na época) sentiam um Quê de influência tanto de Cavaleiros do Zodíaco quanto de Capitão Planeta. Tá… tudo bem. Forcei a barra.

Curiosamente, as similaridades realmente chamavam a atenção. As cores das armaduras, a inter-relação dos personagens, a mocinha. Havia muitas configurações iguais. E para fechar com chave de ouro, a dublagem brasileira foi feita por muitos dubladores que trabalharam e trabalham em CDZ. O melhor exemplo é o de Hector, guerreiro do fogo e protagonista, dublado por Hermes Baroli (dublador do Cavaleiro de Pégasus em CDZ)  e a mocinha cuja voz era dada por Letícia Quintino (dubladora de Saori).

Era só UM POUCO PARECIDO:

06_thumb3Cavaleiros-do-Zodiaco-rostos

Tirando essas curiosas similaridades, não há como reclamar do anime. Era divertido assistir algo que remetia a uma certa familiaridade para os fãs de animes anteriores e que tinha, ao mesmo tempo, uma nova história para contar.

No melhor estilo Speed Racer, os traços também bem diversos. Os olhos tinham uma silhueta diferente das que conhecíamos, assim como todos os traços. Mas é inegável que o Hector lembrava demais o Seyia.

Bom, sem mais, segue a sessão nostalgia de Samurai Warriors:

One thought on “[NOSTALGIA] Que Saudades da Rede Manchete – Samurai Warriors.

  1. rapaz, eu tenho até hoje o hominho do Cesar, o verde. E uns anos atrás saíram em versão Cloth Myth e é um sonho de consumo, visto que os fabricados anteriormente, que se não me engano eram da Bandai, era com um esquema de molas internas, era horrível pra se brincar e não pareciam nem um pouco tão descolados quanto no desenho. No mais, acho que é meu primeiro comentário, bacana o blog, comentarei mais vezes! Grande abraço

Comments are closed.