[NGF RECOMENDA] Assassination Classroom, Cartas de J.R.R. Tolkien, O Mundo de Sofia, e mais!

ngf recomenda header 001

Saiba que o Nerd Geek Feelings está em constante mutação, e por isto novidades surgirão sem aviso. Eis uma delas! Esta é nossa primeira coluna semanal coletiva, com a participação de (quase) todos os redatores do site, que usarão este espaço para fazer breves recomendações. Vale de tudo! Filmes, jogos, séries, livros, quadrinhos, músicas, entre outras paixões. Portanto, espere por um novo conjunto de sugestões sortidas por aqui! 😉

Apreciem as primeiras logo abaixo:

Adler recomenda: “Assassination Classroom” de Yusei Matsui

Assassination-Classroom-1-6-yusei-matsui-panini-comics

Se essas capas não te convencerem a comprar, então nada mais fará.

Minha recomendação dessa semana é o mangá Assassination Classroom. Em resumo, um alienígena amarelo cheio de tentáculos explode 70% da Lua e vai até a Terra tomar créditos pelo feito. Ele consegue convencer a todos que tem poder para destruir a Terra da forma como quiser, e todas as tentativas de matá-lo falham miseravelmente, já que a criatura é mais rápida do que qualquer coisa já criada. O alienígena propõe um “jogo”: ele vai escolher uma classe de alguma escola para ensinar, como se fosse um professor. Além das matérias normais, ele também ensina aos alunos métodos para que eles consigam matá-lo. Eles têm um ano para matarem o alienígena, se não o mesmo destruirá a Terra como o prometido. Agora, qual a sacada? Ele não escolhe qualquer classe, mas sim a “pior” classe de todo o Japão, pertencente à melhor escola daquele país. É a classe dos excluídos, dos rebaixados, dos oprimidos. Eles nunca tiveram em suas vidas nenhum respeito ou tratamento adequado por parte de seus tutores, mas o professor alien (que eles apelidam de Koro-sensei) muda isso completamente, sendo o melhor professor que qualquer aluno da Terra teria. O mangá acompanha o ano letivo dessa classe, que tenta de todas as formas matar seu professor, enquanto este sempre se safa. É uma história muito engraçada (pois é) e muito bem desenvolvida. O autor, entre tantas qualidades, faz algo muito digno: ele começa o mangá com vários alunos cujos nomes você não sabe, mas até o sétimo volume, você já sabe o nome, a personalidade e o hobby favorito de todos. Uma lição para muitos autores que, em 70 volumes, não consegue desenvolver nem 10% de seus personagens. Licença que vou espirrar. AtchBLEACHn! Perdão. Enfim, você encontra AssxClass facilmente nas bancas, ainda em publicação pela Panini. Vale muito a pena. 😉

Compre aqui!


Aélsio recomenda: “As Cartas de J.R.R. Tolkien”

ngf-recomenda-cartas-de-jrr-tolkien

Uma compilação de correspondências antigas que aborda diversos aspectos da vida do autor, desde seu envolvimento com a Grande Guerra até sua relação amorosa com Edith, o amor de sua vida, seus círculos de amizade e sua ascensão profissional nos meios editoriais e acadêmicos e, o mais importante, é claro, o minucioso desenvolvimento de Arda, a legendária ambientação de seus livros, “O Silmarillion“, “O Hobbit” e “O Senhor dos Anéis“, jóias preciosíssimas do gênero da fantasia.

Disponível nas seguintes livrarias: Amazon Livraria da Travessa.


Magdiel recomenda: “O Mundo de Sofia” de Jostein Gaarder

o mundo de sofia jostein gaarder editora seguinte

Pode até parecer clichê para alguns, mas é um livro que eu acredito que todo mundo que puder deveria ler. Trata-se da história de uma menina (a Sofia) que recebe um curso de filosofia por correspondência. Mas não é apenas ela quem aprende com isso, pois leitor também recebe o curso. Foi um livro que mudou minha maneira de pensar e a forma como eu via o mundo. Como a filosofia, que é algo importante, sempre foi tão escassa na minha formação escolar, o livro me chegou bem a tempo de me apaixonar pela disciplina. Vale muito a pena.

Disponível nas seguintes livrarias: Amazon, Saraiva, Submarino, Livraria Cultura.


Monique recomenda: BoJack Horseman

BoJack Horseman

A série é uma produção da Netflix que retrata o cotidiano de um ator super amado devido ao grande sucesso de sua sitcom nos anos 90, chamado Hosin’ Around. Só que a série relata o dia-a-dia dele 20 anos depois de seu ápice, com a vida repleta de mulheres, drogas, inimizades, e é claro, com muita prepotência, como a vida de qualquer astro em decadência. A animação já tem renovação para a terceira temporada, que estreará em 2016, e é uma criação de Raphael Bob-Waksberg. Vale a pena conferir essa comédia repleta de estereótipos hollywoodianos e de muito humor negro!

Assista aqui! (apenas para assinantes da Netflix)


Rodrigo recomenda: “O Mundo de Yang” de Orlandeli

o mundo de yang orlandeli

Claramente inspirado em Avatar: A Lenda de Aang, a série semanal de tiras criadas por Orlandeli apresenta, com muito bom humor, diversos conceitos e ensinamentos da filosofia oriental. Na trama acompanhamos a jornada do herói Yang, orientado pela misteriosa Voz através dos caminhos que o levarão a tornar-se o defensor do mundo contra as forças das trevas. Apesar do tema clichê, o desenvolvimento leve e despretensioso compensa, assim como o traço caricato e estiloso de Orlandeli, que lembra uma mistura de Charles Schulz, Bill Watterson e Skottie Young. E o melhor, todas as mais de 30 tiras já publicadas estão disponíveis gratuitamente para leitura no site oficial da série. Desde já aguardando a primeira compilação impressa delas. 🙂


Yuri recomenda: All you need is kill”

all you need is kill Sakurazuka Hiroshi e Takeshi Obata editora jbc

All you need is kill (sim, é  um trocadilho com a música dos Beatles, leia e você saberá), é a adaptação em mangá de uma light novel (novela curta), que retrata um mundo pós-apocalíptico onde a terra é atacada pelos Mimics, seres dos quais se tem pouco conhecimento e que apenas querem matar os seres humanos. Kiriya Keiji é um soldado japonês que acaba morrendo em batalha mas misteriosamente volta à vida na manhã da batalha, horas antes de tudo acontecer. Apenas com o desenrolar da historia isto é explicado. mangá é espetacular, apesar de ter apenas 2 volumes, sua historia é linda, envolvente, e com um final que dá vontade de tacar o mangá na parede de tão bonito que é. Foi o primeiro e único mangá que mexeu comigo. É surpreendente. Sem mais.

Compre aqui! (incluindo outros mangás da JBC)


E você, o que achou do primeiro NGF Recomenda? Tem outras recomendações a fazer? Diga nos comentários!