[MÚSICA] As 10 maiores Simonadas da música brasileira.

naom_57d1cb3834a66Então é Natal, a festa cristã! Estamos naquela maravilhosa época do ano em que nossos ouvidos são inundados por quanto a Simone não entende porra nenhuma de história! Mas enfim, essa me parece uma excelente oportunidade para falar sobre músicas que todos crescemos ouvindo (e talvez até gostamos) mas que nunca paramos para pensar que foram “simonadas” de algum lugar.

E sim, a imagem acima é relacionada!

Então, sem mais delongas, inspirado pela adaptação hue-br de Happy Xmas (War Is Over) do John Lenon, eis dez vezes que a música brasileira “Simonou” clássicos internacionais!

JOE LE TAXI VANESSA PARADIS

Uma adolescente francesa de quinze anos se apaixona por um taxista. Como isso não ia virar um sucesso, não é mesmo? Bem, não me surpreende ver essa música Simonada pela mesma pessoa que cantou a abertura de Digimon, né?

THE WANDERER DION AND THE BELMONTS

Talvez você nunca tenha ouvido falar do Dião e seus Belmontes – não, eles não são um clã de caçadores de vampiros musicais. Lançada em 1961, em 1965 ouvimos essa música por aí na voz de ninguém menos que Roberto Carlos. O “andarilho” virou “Lobo Mau”. Então tá, né?

OH CUANTO TE AMO – SABU

E o clássico “Oh cuanto te amo” do argentino Sabu, quem nunca ouviu, né? Bem pouca gente, eu diria. Já a Simonada brasileira gravada por Sidney Magal é praticamente um segundo hino do brega.

PATCHESClarence Carter

Essa me surpreendeu. Et tu, Marvin?

STARMANDAVID BOWIE

Falando em anos 80, outra que muita gente conhece as duas versões. Mas não podia faltar nessa lista, né?

POWER OF LOVE Jennifer Rush

Ah, a música tema que o Seiya gostaria de ter também está nessa lista. “Como uma deusa”, sacaram? Hã? Hã?

DE MUSICA LIGERASODA STEREO

Soda Stereo é uma das bandas mais importantes da história musical da Argentina, meio que o Legião Urbana deles. E um dos seus maiores clássicos é uma velha conhecida que crescemos ouvindo durante os anos 90/2000

SEALED WITH A KISS – THE FOUR VOICES

Não dá pra falar de música dos anos 90 sem falar no clássico de Luan e Vanessa, né? Só que o que pouca gente sabe é que essa é Simonada de uma música de três décadas antes

I’D LOVE YOU TO WANT ME – LOBO

Eu tinha certeza que ia comentar alguma coisa aqui, mas depois de ver esse penteado esqueci. Pena que o KLB não usou ele também quando fez “Ela não está aqui”, teria sido muito louco!

THOSE WERE THE DAYS – MARY HOPKIN

E pra encerrar com chave de ouro, um clássico que simplesmente marcou a televisão brasileira para sempre. Quando você ouvia os acordes de Mary Hopkin já podia saber: Silvio Santos vem aí, lalalala!

Só que, em uma virada inesperada de eventos, a versão produzida por Paul Mccarthney e imortalizada por Mary Hopkin também já era uma adaptação! A versão original da música é “Dorogoi dlinnoyu”, algo que pode ser traduzido mais ou menos como “Pela Longa Estrada”, composta na Rússia em 1920.

Sim, a televisão brasileira se construiu sobre uma música tema cantada pelo Exército Vermelho. De repente muita coisa começa a fazer sentido…

Deixe uma resposta