[QUADRINHOS] MAUS – A História de um sobrevivente (Ou entre ratos e gatos).

Maus – A História de Um Sobrevivente é um romance gráfico produzido pelo sueco Art Spiegelman que narra a luta de seu pai, um judeu polonês, para sobreviver ao Holocausto. A história fala do relacionamento complicado do autor com seu pai, e de como os efeitos da guerra repercutiram através das gerações de sua família.

A história satiriza a propaganda nazista de que os arianos eram uma raça pura, por isso substituiu todos o grupos étnicos por animais. Os judeus são os ratos (em alemão: maus); os alemães, gatos; os franceses, sapos; os poloneses, porcos; os americanos, cachorros; os suecos, renas; os ciganos, traças; os ingleses, peixes.

A principio pensei que esse antropomorfismo era para aliviar o tom pesado da história, por ela falar sobre a Segunda Guerra Mundial, nazismo e holocausto, mas à medida que as páginas foram sendo lidas, vi que Art Spiegelman não tentou aliviar nada e, para uma história onde os animais são os protagonistas, ela ficou humana demais, cruel demais, brutal demais e realista demais.

Quando terminei de ler Maus, vi seu autor, Art Spiegelman, como um gênio, babaca e honesto. Essa história sobre animais me fez sentir nojo da humanidade, ver o quanto somos sujos, traiçoeiros e egocêntricos, quase como RATOS. Que ironia não é?

PS: Adorei o presente do amigo secreto. Obrigado, Midian.


Quadrinhos na Cia – Brochura – 22,4 x 15,8 x 2,4 cm – 296 páginas

Onde comprar: Amazon | Saraiva | Cultura

Deixe uma resposta