[LIVROS] Prepare-se para TRAINSPOTTING 2 lendo as obras que originaram o filme!

Você aí que não vê a hora de assistir de T2 Trainspotting no próximo fim de semana, talvez não saiba que tanto o filme original quanto sua sequência foram inspirados nos livros de Irvine Welsh. Ambos foram relançados em 2016 pela Rocco com novas capas e estão disponíveis nas melhores livrarias.

Saiba mais sobre Trainspotting e Pornô (que Danny Boyle usou como base para T2 Trainspotting) a seguir:

Numa narrativa rápida, nervosa e cheia de gírias e palavrões (muito bem adaptada pela tradução de Galera e Pellizzari) Welsh traça um sincero retrato tragicômico das agruras de um dependente químico. O autor escreve com conhecimento de causa: ele teve sérios problemas com heroína na juventude, experiência que levou para sua carreira de escritor e o transformou num autor cultuado pelos jovens da Grã-Bretanha. Trainspotting é recheado de vinhetas batizadas de Dilemas de um Viciado, que são adaptações de trechos de um diário que o autor mantinha durante seus anos de dependência química. Como disse o autor numa entrevista, o livro foi escrito em “surtos”, e fez sucesso antes mesmo de seu lançamento, em trechos publicados em diversas revistas inglesas e escocesas.

Tradução: Galera & Pellizari – Brochura – 22,8 x 16,2 x 2 cm – 288 páginas

Disponível nas seguintes livrarias:

Amazon |  Saraiva | Cultura


Em ‘Pornô’, o escritor escocês Irvine Welsh retoma os personagens de ‘Trainspotting’, romance que lhe rendeu o status de grande nome da literatura britânica moderna e virou filme de sucesso internacional. A nova trama se passa dez anos após a história original, com sua célebre galeria de desajustados vivendo os suspiros finais da juventude. Drogas, paranóia, violência e traição continuam figurando entre os ingredientes principais, mas a eles somam-se agora doses cavalares de sexo e vingança, sempre com o humor ácido e surpreendente de Welsh. A figura central da história é Sick Boy, que agora prefere ser chamado pelo seu nome pomposo, Simon David Williamson. Cansado de trabalhar para os outros e de explorar prostitutas viciadas em heroína e crack, ele resolve investir num negócio próprio, reabrindo um pub decadente que sua tia está passando adiante. Mas não é tão simples assim emergir do submundo. Simon acaba usando o estabelecimento comercial como base para seu novo negócio – filmes pornográficos produzidos, dirigidos e estrelados por ele. O pária tem uma ideia inovadora para um vídeo do gênero e está disposto a tudo para concretizá-la. Todos os capítulos de ‘Pornô’ são narrados em primeira pessoa, com os personagens principais se revezando na condução da narrativa. O recurso deixa evidente a má intenção e a amoralidade de cada um.

Tradução: Galera & Pellizari – Brochura – 22,8 x 15,6 x 3 cm – 568 páginas

Disponível nas seguintes livrarias:

Amazon |  Saraiva | Cultura