[LIVROS] A Saga do Tigre (resenhas)

Quando comecei a cultivar o hábito de ler livros, a primeira serie de livros que li foi A Maldição do Tigre, de Colleen Houck, uma historia de romance e aventura que fala sobre Kelsey, uma órfã que, para ajudar a pagar a faculdade, arruma trabalho num circo. Lá ela conhece um tigre chamado Ren, e depois de algumas desventuras, Kelsey descobre que Ren na verdade é um príncipe indiano que foi amaldiçoado há mais de 300 anos atrás, e juntos partem em uma jornada para tentar quebra maldição.

A história tem dois focos principais: a saga pra quebrar a maldição e o romance. Mas a autora acabou focando mais no romance. O leitor tem a narrativa pelo ponto de vista feminino, já que é uma protagonista, as partes de romances acabam sendo muito detalhadas e, pessoalmente, foi bem torturante pra mim lê-las. Mas isso não atrapalha o desenrolar da história.

A série é composta de quatro livros, mais uma prequel, e um spin-off confirmado pra 2018.

O primeiro livro, A Maldição do Tigre, tem função introdutória: apresenta os personagem que serão importantes ao longo da historia, e dá uma ideia de como será a trama, além de desenvolver o romance dos protagonistas (isso não é spoiler, tá na sinopse).

O segundo livro, O Resgate do Tigre, é o melhor de todos. A trama é fluida, uma vez que se deve levar em consideração o tanto que a autora é detalhista, o lado aventura é melhor explorado. O livro acerta em todos os pontos da história e deixa aquele gosto de quero mais. Nele também começa a surgir o maior clichê de qualquer romance, o triângulo amoroso.

O terceiro livro, A Viagem do Tigre, é o maior e mais chato. Não é ruim, mas a autora detalha muito toda vez que aparece uma roupa, falando cada detalhe do tecido; ou, quando estão em um banquete, ela fala tudo o que tem na mesa. É o livro mais difícil de se ler. Ele tem quatrocentas páginas, mas as últimas vinte salvam o livro e deixam um gancho gigantesco pra próxima parte.

O quarto livro, O Destino do Tigre, é conclusivo, fecha a história e amarra todas as pontas soltas da trama. Não dá pra resenhar muito dele sem soltar spoilers, então é só isso que eu posso falar.

Apesar de ter como plano de fundo principal a mitologia hindu, a história meio que tem uma mitologia própria, onde muitas mitologias e religiões se encontram e se complementam. Quando os protagonistas vão parar em Shangri-la, o paraíso budista, lá encontram a Arca de Noé, a árvore da mitologia nórdica Yggdrasil, e os corvos de Odin, Hugin e Munin.

A Paramount comprou os direitos dos livros para fazer um filme, que já está em pre-produção. Mas, pelo que deu pra observar, vai ser um filme bem ruim. Os livros são muito difíceis de serem adaptados. Estou prevendo um sucessor de Crepúsculo (no requisito haters por metro quadrado), e um fiasco de bilheteria.


Compre abaixo os livros da Saga do Tigre:

A Maldição do Tigre: Amazon | Saraiva

O Resgate do Tigre: Amazon | Saraiva

A Viagem do tigre: Amazon | Saraiva

O destino do tigre: Amazon | Saraiva

A promessa do tigre (prequel): Amazon | Saraiva

Compre o box com os cinco livros!