[LIVRO] Wild Cards – O Começo de Tudo

Imagem

Lançado em 2013 pela Editora Leya, Wild Cards – O Começo de Tudo nos apresenta histórias de super heróis de um jeito que estamos pouco acostumados: o romance literário.

Muita gente pensa em histórias de supers somente nos quadrinhos. Mas este romance vem para provar que o livro é uma mídia tão boa para o gênero quanto qualquer outra.

Wild Cards é chamado pelos fãs de Romance Mosaico. Você não irá se deparar com uma leitura contínua do começo ao fim. O livro é composto por vários contos de autores diferentes. Todos dentro do mesmo universo ficcional, porém focando em personagens e eventos diferentes.

George R. R. Martin se tornou muito popular com As Crônicas de Gelo e Fogo. Por isso mesmo,qualquer coisa com seu nome é venda certa. Porém, não se deixe enganar. Apesar do nome do autor constar em letras garrafais na capa do livro, ele não o escreveu todo. Apenas alguns contos e editou o resto.

A série é composta por 22 livros, sendo que a previsão de lançamento no Brasil é de dois livros por ano. Os fãs terão de ser pacientes para conhecer a história até o final.

Mas do que se trata esta história exatamente? Wild Cards começa nos apresentando a Terra exatamente como a conhecemos, no final da Segunda Guerra Mundial, com a vitória dos Aliados. Porém um vírus alienígena é liberado em Nova Iorque, se espalhando por todo o planeta posteriormente, causando morte e mutações diversas nas pessoas.

Este vírus fica conhecido como Carta Selvagem, pois assim como a aleatoriedade de um jogo de cartas, cada pessoa sofre as consequências de modo diferente. Algumas morrem de imediato. Outras sofrem terríveis deformações (os coringas). Algumas poucas sortudas ganham poderes extraordinários. Essas passam a ser conhecidas como Ases.

A partir deste ponto a História como a conhecemos é alterada pela atuação daqueles que foram alterados pelo vírus.

Uma das grandes sacadas de Wild Cards foi justamente buscar uma origem em comum para todos os super seres. Diferente do que vemos nos conhecidos heróis da Marvel e da DC, este tipo de abordagem fornece uma credibilidade maior para o cenário, tornando tudo mais crível, mesmo que suas histórias sejam fantasiosas.

Como único ponto negativo, a trama é contada citando-se muita informação da cultura americana com a qual não estamos habituados. Referência a fatos e pessoas que, de ordinário, passam longe de nosso conhecimento.

Isso para mim trava um pouco a leitura, pois temos de ir buscar as referências para uma total compreensão da trama. Um glossário no fim do livro fez falta.

Ainda assim, Wild Cards é uma excelente obra, perfeito para quem quer conhecer toda uma nova gama de heróis. Até mesmo para quem não acompanha ou gosta dos icônicos heróis de quadrinhos, este livro se constitui num ótimo romance de ficção. E há muita história ainda pela frente. Vamos aguardar os próximos livros.

Curta nossa página no Facebook e nos siga no Twitter para mais bugigangas do universo Nerd Geek.