[HISTÓRIA] SILVIO SANTOS: A PIPA DO VOVÔ É RUSSA.

Ontem, depois de ter lido o texto do Cilon sobre as famosas “simonadas” que costumamos ouvir durante o Natal e as origens delas, fiquei me perguntando se mais alguém saberia do artista que inspirou e fez feliz o dono do Baú da Felicidade.

“Nessa vida, nada se cria, tudo se copia. ” – Minha avó já dizia.

Foi no dia 12 de dezembro de 1930 que Senor Abravanel nasceu. Ao longo da década que se sucedeu ao nascimento dele, Bruñel produziria o longa surrealista “A idade de ouro”; Aldous Huxley escreveria “Admirável mundo novo”; Picasso, em protesto contra a Guerra Civil Espanhola, pintaria “Guernica”; e a Disney lançaria “Branca de Neve e os sete anões”, seu primeiro longa animado.

Ma oe?!

Na União Soviética, Stálin associava a ideologia estatal ao marxismo-leninismo e iniciava um regime de economia planificada. Como resultado, seu Governo encontraria rápida industrialização e coletivização, e um aumento significativo da zona de influência sobre os países do Leste Europeu e da Ásia Central.

Quatro anos depois do advento de Silvio Santos, Eduard Anatolyevich Khil chegou ao mundo.

Lalalás, hahahás e hohohós. Com penteado primoroso e indefectível, o senhor Trololó se apresentava em um terno-marinheiro-Pato-Donald alinhado, enquanto movia amplamente seus braços, mantendo o tronco pouco arqueado e um sorriso quase psicótico no rosto.

Khil foi um dos artistas mais populares da União Soviética. Queridinho dos comunistas, gravou diversas canções ufanistas do regime.

Mas sua música mais conhecida, o tal Trololó, só ficou famosa trinta anos depois de sua criação.

Я очень рад, ведь я, наконец, возвращаюсь домой (e é claro que você entendeu! Não entendeu? Puf! Oras… seu sacripanta!), escrita por Arkady Ostrovsky, contava a história romântica (?) de um caubói do estado americano de Kentucky que passeava pelas pradarias enquanto sua amada costurava meias para ele.

dilmes

Own! <3

E é mais do que óbvio que os censores vermelhos permitiram uma “flauteada” dessas em plena Guerra Fria, não é? É. Só que não!

Foi daí que, perucas à parte, já com seus vinte e tantos anos, o Patrão descobriu a personagem que poderia fazer dele um homem rico – e o fez.

Resumindo: Silvio Santos é a cria do que hoje é um dos memes mais conhecidos da internet. Seria este o segredo do sucesso do Homem do Baú? 😉