[HISTÓRIA] As teorias mais BIZARRAS sobre o fim dos dinossauros

Os dinossauros estão de volta às telas de cinema em Jurassic World para a alegria de milhões de fãs não apenas da franquia cinematográfica, mas dos aficionados por esses incríveis animais que dominaram a Terra há milhares de anos. Falando sobre os dinos, algumas perguntas sobre esses “lagartões” ainda não foram respondidas e cabe aos paleontólogos, especialista em estudos dos fósseis, tentar montar o quebra-cabeça da Era Mesozoica.

Uma das questões mais recorrentes é sobre como os dinossauros desapareceram. Provavelmente você conhece a história do meteoro que caiu na Península de Yucatán causando um impacto monstruoso que provocou a extinção de praticamente toda forma de vida existente no planeta e nesse meio estavam os dinossauros. No entanto está é uma das teorias que tentam explicar o fim desses animais já que, ainda hoje, não há consenso sobre a extinção dos dinossauros.

extincao-dinossauros-02

Sendo assim, vamos listar aqui para vocês as teorias mais loucas e estranhas sobre tal extinção:

1 – EXCLUSIVAMENTE MACHOS

Sherman Silber, especialista em fertilidade, sugeriu a hipótese de que os dinossauros desapareceram por não encontrarem parceiros sexuais, dessa maneira, em seus últimos anos, os dinossauros machos ficaram sem suas parceiras para procriar.

Silber especula que as mudanças na temperatura poderiam determinar o sexo dos dinossauros ainda na fase embrionária, então com as mudanças causadas pelas atividades vulcânicas e pelo impacto do meteoro, apenas dinossauros machos estavam nascendo.

2 – ANIMAIS FEROZES… E ESTÚPIDOS.

Outra teoria diz que os dinossauros não tinham mais para onde evoluir e dessa maneira entraram em extinção. A “Teoria da Incompetência e Estupidez”, que hoje não se sustenta mais, baseava-se no tamanho do cérebro desses animais que por ser diminuto seria responsável por ter tornado os dinossauros bichos estúpidos.

3 – PRAGA APOCALÍPTICA

Em outra teoria, os dinossauros encontraram seu fim por uma das criaturas mais perigosas do seu tempo: a lagarta! Em 1962, o entomologista Stanley Flandres observou a desgraça apocalíptica causada por lagartas em plantações. Esse fato o fez supor que as larvas de borboletas e mariposas devastaram a vegetação da era cretácea causando a morte dos herbívoros e consequentemente dos carnívoros.

4 – CEGUEIRA MORTAL

O oftalmologista LR Croft sugeriu, em 1982, que a catarata, doença ocular, foi responsável pelo fim dos dinossauros. Segundo ele, a exposição ao calor causa o aparecimento da catarata de forma muito mais rápida, isso “explica” porque alguns dinossauros desenvolveram ornamentos, como chifres e cristas, para proteger os olhos dos raios solares, mas falharam miseravelmente. Assim, os dinossauros começaram a desenvolver catarata antes da maturidade sexual.

5 – “ALIENS”

E você achando que os dinossauros tinham sido extintos por causas naturais, né? Bem, não é o que acham os que defendem a hipótese de seres alienígenas teriam passado por nosso planeta e provocado a extinção dos dinossauros abrindo assim caminho para o desenvolvimento da espécie humana. Dizer que o programa do canal History, “Alienígenas do Passado”, dedicou um programa inteiro sobre essa teoria não seria nenhum espanto, não é mesmo?

lLxCoWM

6 – “NÃO FUI EU, FOI O BRAQUIOSSAURO”

Tem uma teoria que diz que os próprios dinossauros foram responsáveis pela sua extinção. Como? Peidando muito. O paleontólogo David Wilkinson calculou que a quantidade de gás metano liberado pela flatulência dos dinossauros saurópodes foi responsável por contribuir para o aumento do aquecimento global. Por mais que essa teoria não cheire bem, existe uma relação entre os gases flatulentos e aquecimento global, mas a teoria não explica a extinção em massa.

braquiossauro1

“Não fui eu, gente. Eu juro.”

FONTES: 5 Teorias Estranhas Sobre o Fim dos Dinossauros, Extinção dos Dinossauros, BBC Brasil