[GERE CULTURA] Financiamento coletivo torna os artistas brasileiros mais independentes

A Audiovox Rock conseguiu gravar seu 1º EP via crowdfunding

A Audiovox Rock conseguiu gravar seu 1º EP via crowdfunding

Quem não conhece de perto a indústria musical acredita que todos os músicos com selos de gravadora ganham milhões por ano, como Kanye West, Beyoncé, etc. Não é bem assim, esses artistas são exceções. Quando pensamos no lucro, muitas vezes esquecemos da quantidade de pessoas envolvidas no processo – e que também são pagas por isso.

Estima-se que o lucro das vendas de um CD seja dividido em 63% para a gravadora, 24% para a distribuidora dos discos e somente 13% para a banda – que inclui os membros, roadies, produtor, advogado e por aí vai. É exatamente por isso que muitos artistas preferem seguir suas carreiras de forma independente e os sites de financiamento coletivo no Brasil podem proporcionar essa experiência.

Artistas com anos de estrada, como Courtney Love e a banda 30 Seconds to Mars, já apareceram na mídia falando que não ganharam dinheiro nem com 2 milhões de cópias de CD vendidos. Isso quer dizer que, não importa o quão famoso você é, o processo é o mesmo.

kickante novo cd gabi luthai

Gabi Luthai

Um exemplo nacional é a cantora Gabi Luthai, um fenômeno da internet, especificamente do Youtube – onde mostra seu talento como cantora para mais de 1 milhão de pessoas -, o que fez que construísse uma base grande e sólida de fãs em todas as redes sociais.

Ano passado, a cantora assinou contrato com uma gravadora mundialmente famosa e, depois de alguns meses e um CD lançado, percebeu que os empresários não tinham tempo para assessorá-la e nem para entregar um disco aos fãs que mantivesse sua essência.

Em alternativa à gravadora, Gabi lançou uma campanha de arrecadação para se novo CD em uma plataforma de crowdfunding, para que pudesse participar inteiramente do processo de lançamento de seu segundo disco, dessa vez com músicas autorais. Além disso, tem o apoio dos fãs que, em recompensa à contribuição, podem escolher até o repertório do álbum. Esse tipo de financiamento de projetos musicais é cada vez mais utilizado por artistas brasileiros – novos e até os consagrados como Leila Pinheiro e Lobão.

Os artistas se aproximam dos fãs

Integrantes da Hewie, banda que conseguiu gravar seu 1º CD via crowdfunding

Integrantes da Hewie, banda que conseguiu gravar seu 1º CD via crowdfunding

A abordagem utilizada pelos Youtubers como Gabi, que também vem sendo muito usada por outros artistas, é a aproximação com os fãs. Através do Youtube o contato é mais natural, pois apesar de estarem falando com milhares ou até milhões de pessoas ao mesmo tempo, fazem parecer uma conversa entre amigos de anos.

A impessoalidade de um artista ao falar com seus fãs pode ser a chave do fracasso de uma campanha de crowdfunding. Entretanto, ao falar individualmente e criar uma certa intimidade com os fãs, você os torna especiais dando a cada um a atenção merecida.

Quando os artistas e celebridades interagem diretamente com seu público, o retorno aparece, geralmente, em contribuições maiores e níveis de engajamento exponencialmente mais elevados. Além disso, os que promovem essa interação com mais frequência – diariamente ou mais de uma vez por dia – também veem mais retorno.

Esse tipo de abordagem tem dado muito certo não só em campanhas de crowdfunding no Brasil, como também no exterior, onde os artistas que divulgam seu trabalho no Youtube e mantém uma relação mais próxima com os fãs conseguem lançar seus álbuns em melhores colocações no iTunes e com uma tiragem de vendas superior à de artistas com grandes gravadoras.

A capacidade desses artistas de se conectarem diretamente com seus fãs realmente dá um novo sentido para a interatividade e intimidade entre você e seu público.

Benefícios do financiamento coletivo para os artistas nacionais

Karina Buhr também conseguiu financiar a gravação de seu novo CD.

Karina Buhr também conseguiu financiar a gravação de seu novo CD.

Muitas vezes, as gravadoras impõem restrições e alterações que desagradam os músicos e, aos poucos, tiram sua liberdade artística. O crowdfunding permite que o músico mantenha sua essência e seu trabalho o mais puro possível e ainda recompensar seus fãs por estarem ao seu lado.

Se você ou sua banda querem gravar um novo CD ou DVD, podem fazer a pré-venda do álbum, assim, os contribuidores adquirem o material em primeira mão; se querem gravar um clipe, podem oferecer a participação do contribuidor no vídeo ou um agradecimento nas redes sociais em troca do apoio; e já se for viabilização de show, poderão oferecer ingressos aos contribuidores.

Alguns artistas passam anos em tentativas fracassadas de chamar a atenção das gravadoras, sem se dar conta que realizar seus projetos por conta própria pode ser muito mais benéfico. Quer que o financiamento coletivo ajude sua banda a decolar? Crie sua campanha de crowdfunding e arrecade fundos para seus projetos musicais hoje mesmo!