[GAMES] Hatred: Jogo ultraviolento desenvolvido por neo nazistas

b727941933b9d6ccf90c1795758bacdc

O primeiro trailer de Hatred deixou muita gente de cabelo em pé. Descrito por seus criadores como “um shooter de visão isométrica com uma perturbadora atmosfera de assassinatos em massa, onde o jogador assumirá o papel de um antagonista de sangue frio cheio de ódio pela humanidade.”

O time responsável pelo desenvolvimento do jogo são os poloneses da Destructive Creations, e segundo eles, Hatred é uma resposta à tendência politicamente correta da indústria de games, e a tentativa de vendê-los como arte deixando de lado o entretenimento.

aPG2o1T

Entretanto, o trailer teve reações extremamente negativas, devido ao excesso de violência, e até mesmo a Epic Games, criadora do kit de desenvolvimento do jogo, – a Unreal Engine 4 – resolveu agir e pediram que fosse retirada a sua logo do trailer, não querendo envolvimento com algo tão controverso. E para piorar ainda mais a imagem do projeto, aparentemente seus desenvolvedores são neonazistas.

 No trailer, o personagem principal inicia com a seguinte fala:

“Meu nome não é importante. O que é importante é o que irei fazer. Eu simplesmente odeio este mundo e os vermes humanos alimentando-se de seus corpos. Toda a minha vida é fria, um ódio amargo e eu sempre quis morrer violentamente. É hora da vingança e nenhuma vida merece ser salva, e levarei para a cova o máximo que puder. É hora de matar e de morrer. A minha cruzada genocida começa aqui.” Confira:

O lançamento está previsto para o segundo trimestre de 2015.

E aí achou violento demais?

2 thoughts on “[GAMES] Hatred: Jogo ultraviolento desenvolvido por neo nazistas

  1. “Se eu não gosto de uma coisa, acho que ninguém mais no mundo deveria ter o direito de aprecia-la” – Marge Simpson, em um episódio de quase dez anos atrás. Mais uma vez, Simpsons mitando o futuro

Comments are closed.