[CINEMA] Mulher Maravilha: “Heroína” apoia o opressor

BtroohZCQAA5tds[1]

Heróis e heroínas, como bem sabemos, apoiam e lutam pelo bem, defendem minorias, os fracos e oprimidos e fazem de tudo pela paz. A Mulher Maravilha, particularmente, é conhecida por ser capaz de atos extremos para conseguir isso. Mas infelizmente no mundo real a coisa é bem diferente.

Gal Gadot, atriz e modelo israelense e intérprete da Mulher Maravilha no cinema, no vindouro “Batman v Superman: Dawn of Justice” postou uma mensagem em seu facebook declarando apoio ao massacre/genocídio perpetrado pelo Estado de Israel na Palestina, onde mais de mil pessoas já morreram – a imensa maioria composta por civis – mulheres e crianças. O Estado de Israel tem sido duramente criticado, inclusive pelo Governo Brasileiro, pelos atos desproporcionais e brutais crimes de guerra no combate ao grupo terrorista Hamas: destruíram hospitais, escolas, alojamentos da ONU e até mesmo a única usina de força da Palestina, deixando milhões sem energia elétrica. O povo judeu, infelizmente, não aprendeu nada com o Holocausto e hoje em dia põe em prática sua própria solução final: limpar da face do planeta o povo palestino.

Confira abaixo a tradução da postagem de Gal Gadot, que desonrou a personagem que interpretará e mostrou uma imensa dose de racismo e falta de humanismo. Que bola fora. Se isso acontecesse nos quadrinhos poderíamos dizer que a Mulher Maravilha estaria sofrendo controle mental causado por algum vilão. Mas a realidade é cruel.  

“Estou mandando meu amor e orações aos meus companheiros, cidadãos israelenses. Especialmente a todos os garotos e garotas que arriscam suas vidas para proteger meu país contra os horríveis atos conduzidos pelo Hamas, que se esconde como covarde atrás de mulheres e crianças. Nós triunfaremos!!! Shabbat Shalom’ #nósestamoscertos #libertegazadohamas #pareoterror #coexista #amoIDF (n.t.:exército israelense)”

2 thoughts on “[CINEMA] Mulher Maravilha: “Heroína” apoia o opressor

  1. Pingback: [CINEMA] Batman V Superman: o filme mais falado da Comic Con 2014onde | NERD GEEK FEELINGS

  2. A ilustre senhora ali em cima apenas esqueceu que o HAMAS foi fundado por Israel com apoio da irmandade-muçulmana do Egito. Israel fez isso para que, não ouve-se uma unidade de governo controlando a faixa de Gaz pelo fait grupo do presidente da palestina, ou seja, Mahmoud Abbas hora não tem autoridade em Gaza por que não tem representação lá, outra ele se aliou a um grupo terrorista e portanto e imoral e não se deve reconhecer sua autoridade tanto em Gaza, quanto na Cisjordânia ocupada! . Outra coisa Israel possui um dos mais poderosos escudos anti-misseis do mundo, somente alguns foguetes atingem o território deles, é isso por que o governo permite (tanto que se vc ver os alvos dos foguetes e os locais de impacto isso fica implícito) é assim tem desculpas para atacar. Outra coisa Israel avisa que vai atirar e manda os palestinos correrem? mas correr pra onde a fronteira com o Egito abre e fecha de acordo com a vontade de Israel, sem falar que ela ficha as suas fronteiras para as vitimas e impede ajuda medica, nem da pra fugir a nado Israel faz bloquei marítimo se um barquinho chegar ou tentar sair de lá, pá, kabomm, Israel a funda!

Comments are closed.